Todos os empreendedores encaram o fracasso, mas os que têm sucesso não desistem

Todo mundo gosta de uma história de sucesso. Vivendo de forma indireta nossas fantasias através daqueles que atingiram o sucesso nos dá esperanças de que irá acontecer conosco. Mas apenas ouvir essas histórias não nos favorece, porque esses contos não mostram os esforços, as quebras e as derrotas que levam à grande vitória.
O fato é que, enquanto houver infinitas maneiras de empreendedores terem sucesso, há apenas uma coisa que todos têm em comum: fracasso.
Não faltam exemplos de grandes sucessos que tiveram que se esforçar antes de se tornarem os vencedores como os conhecemos hoje. O vencedor do Oscar Steven Spielberg foi rejeitado na faculdade de cinema da California. Thomas Edison criou milhares de protótipos antes da lâmpada incandescente. O Coronel Harland Sanders só teve sucesso com o KFC aos 68 anos.
Até mesmo Bill Gates, talvez o empresário mais bem-sucedido da História, não decolou direto ao topo com a Microsoft. Não é tão conhecido o fato de que sua primeira empresa, chamada Traf-O-Data, foi uma primeira tentativa de usar dados computadorizados para melhorar as pesquisas de tráfego para as prefeituras. Gates e seus sócios gastaram horas refinando o hardware e elaborando todos os detalhes para que o negócio funcionasse. Mas quando chegou a hora de mostrar o sistema aos seus prováveis clientes, a máquina foi um fracasso.
Gates e seu braço direito, Paul Allen, foram certamente desencorajados mas acabaram sendo mais adequados para a verdadeira revolução que estava por vir. Segundo Allen, “apesar de que Traf-O-Data não foi um grande sucesso, foi importante para nos preparar para fazer o primeiro produto da Microsoft nos anos seguintes. Nos ensinamos nós mesmos para simular como microprocessadores trabalham usando computadores DEC, para que pudemos desenvolver software antes mesmo da nossa máquina ser construída.” Essa experiência valiosa em desenvolvimento levou à fundação da empresa de software que os faria multibilionários.
 
Agora isso certamente não quer dizer que o fracasso é garantia de um futuro sucesso. Se esse fosse o caso, jatinhos privados já teriam superado o número dos comerciais. O fracasso é, para aqueles sortudos, é o trampolim para coisas maiores. Em recusar que esse fracasso o defina e aprender com essa experiência, você se dá a sabedoria para que grandes coisas aconteçam.
Uma coisa que o fracasso lhe dá é a imagem do outro lado da tentativa. Como você está se preparando para se mexer, esse desconhecido é grande. Uma vez que você falhou, enquanto você ainda estiver de pé, é melhor você já saber que o não te matou apenas te deixou mais forte. Toda história de negócios de sucesso começa com um fracasso. Ao fazê-lo, estará em boa companhia.
Quando você se mexe, sairá melhor com o conhecimento adquirido pelo seu empreendimento. A vida é um processo constante de aprendizado, e existe um clichê bem desgastado que diz que você aprende mais pelos erros do que pelos acertos, mas isso é verdade. Aproveite a oportunidade para tirar uma boa olhada no que você errou.
Cair machuca, isso não é segredo. Mesmo depois de atingir as alturas do sucesso, os fracassos que vêm são difíceis como qualquer um. Mas, como uma ferida que se cura, você acaba com uma pele mais fina assim que a dor passa. Estar pronto para qualquer tempestade significa se segurar nas lições já aprendidas.
Seu caráter é definido pela sua resposta à adversidade. Já que o fracasso é um fato da vida, existem maneiras de lidar com isso na qual você poderá superar esse revés. É um processo que leva um tempo, mas respondendo saudavelmente a essas oportunidades perdidas é o único jeito de voltar aos trilhos. Seja pela sua família, ou bons amigos, um livro favorito ou um lugar para visitar, permita-se recarregar com conforto familiar. E então, saia da sua zona de conforto. Essa resiliência é um requisito para o sucesso no empreendedorismo.
Primeiro, lembre-se de que fracasso não precisa deixar uma marca permanente a não ser que você permita. Cada futura oportunidade é uma vitória em potencial e você apenas será um verdadeiro fracasso se parar de tentar. Perder irá doer, mas o melhor remédio é voltar a trabalhar no próximo projeto. Lembre-se dos aprendizados e o conhecimento adquirido, mas esqueça a dor.
Não se engane, esse fracasso pode não ser o último. Abrace-o. Risco, apesar de tudo, é uma parte da experiência empreendedora. Quando você tiver eliminado o medo de fracassar, você terá dado a si a melhor ferramenta possível para ir aonde quiser estar. Fracassar não é o destino de um certo tipo de pessoa. Fracassar é só um subproduto da tentativa.

0 Comment

  • Wiki

    18/02/2018 @ 12:09

    Your comment is awaiting moderation.

    Hello ,

    I saw your tweet about animals and thought I will check your website. I like it!

    I love pets. I have two beautiful thai cats called Tammy(female) and Yommo(male). Yommo is 1 year older than Tommy. He acts like a bigger brother for her. 🙂
    I have even created an Instagram account for them ( https://www.instagram.com/tayo_home/ ) and probably soon they will have more followers than me (kinda funny).

    I wanted to subscribe to your newsletter, but I couldn’t find it. Do you have it?

    Keep up the good work on your blog.

    Regards
    Wiki

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *